Novo presidente, Noronha critica transformação do STJ em ‘terceira instância’

Novo presidente, Noronha critica transformação do STJ em ‘terceira instância’

Durante cerimônia de posse, ministro defendeu a criação de um filtro de relevância para a entrada de casos no STJ

Jota Info, Jornalista

O ministro João Otávio de Noronha tomou posse nesta quarta-feira (29/8) como novo presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), segundo maior tribunal do Poder Judiciário brasileiro. Ele assume o cargo mais alto da Corte por um mandato de dois anos – no lugar de Laurita Vaz, primeira mulher a assumir a cadeira de presidente no tribunal.

Durante a cerimônia de posse, Noronha criticou a transformação dos tribunais superiores em “cortes de terceira instância” que, segundo ele, “asfixiam seu regular funcionamento”.

“É preocupante o futuro do STJ, que viu-se submetido à rotina de apreciar uma fartura de processos que todos os dias chegam por atacado. Que papel relevante há em confirmar ou reformar decisões dos tribunais regionais ou estaduais?”

Noronha disse ser “urgente” a aprovação, pelo Senado Federal, da Emenda à Constituição que cria o filtro de relevância para a entrada de recursos no STJ, – a chamada PEC da Relevância.

JurisBrasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *